Da sintaxe mecânica futurista ao devir maquínico e pós-humano